Review | Noite Sobre as Águas de Ken Follett

Aquele era o avião mais romântico de todos os tempos. Parado no cais de Southampton, ao meio-dia e meia do dia em que a guerra fora declarada.

Em Noite Sobre as Águas, lançado aqui no Brasil em 2016 pela editora Arqueiro, Ken Follett nos apresenta uma história incrível, cheia de intrigas e mistérios onde o autor nos apresenta vários personagens que, ao longo do livro, se conectam de uma forma que apenas Follett conseguiria. Ele conectou os caminhos de todos os personagens de uma forma brilhante.

A história tem como ponto de partida o ano de 1939, quando o Reino Unido declara guerra à Alemanha, a partir daí, tem-se início a “corrida” de muitas pessoas para sair do país, seja por medo da guerra, seja para fugir do seu passado, seja por ser exilado, todos têm o mesmo objetivo que é recomeçar a vida em outro lugar. Nossos personagens se encontram num luxuoso hidroavião da Pan American e seu destino é Nova York. Apesar de ter a Guerra como ponto de partida, o foco do livro não se trata da guerra em si, ele usa elementos dela, a cita em alguns momentos, mas nada muito profundo.

Dentre todos os personagens presentes na narrativa temos alguns em destaque: uma adolescente que é obrigada pelo pai fascista a deixar o país com toda sua família, um jovem charlatão e ladrão de joias, uma esposa negligenciada, uma empresária que levou um duro golpe e agora tenta salvar seu patrimônio e o engenheiro de voo, todos esses e mais alguns com seus caminhos se encontrando a bordo do Clipper.

Ken Follett inicia o livro com um mistério que se desenrolará durante toda a história e contando a história de cada personagem, a personalidade de cada um e sua vida antes dos acontecimentos que os levam a bordo de Clipper enquanto o mistério inicial ainda está no ar, a maior questão da narrativa para mim foi: como cada personagem irá se conectar na história e no mistério central do livro?


Minha missão nessa leitura maravilhosa era achar as pontas soltas e descobrir do que se tratava de fato esse mistério, o que realmente acontecia e como cada personagem, com histórias tão diferentes iriam se conectar.

Ken Follett – Escritor

Sou apaixonada por mistérios, investigação e livros policiais então Noite Sobre as Águas ultrapassou todas as minhas expectativas, a história é ótima, bem amarrada, todos os personagens são bem elaborados e a riqueza de detalhes foi o que mais me impressionou, Follett foi muito a fundo para falar e especificar cada parte, cada compartimento do hidroavião, que de fato existiu, o livro tem todo um contexto histórico que muito me agradou, ele fala detalhadamente sobre o hidroavião, sobre o clima, espaço, ambientes, dá detalhes técnicos e isso me agrada porque agrega conhecimento, principalmente se tratando de uma época em que voar de avião era artigo de luxo, algo que poucos tinham acesso.

Ken Follett foi perfeito em cada relato do hidroavião, que eu nem sabia que havia existido um desse tipo, assim como em toda a história, a pesquisa dele sobre o hidroavião enriqueceu e muito, a história e a trouxe realmente a realidade, como um relato do passado que de fato aconteceu. A leitura foi rápida, mesmo se tratando de quase 500 páginas. Em nenhum momento me senti entediada com o relato ou com a história de algum personagem. Ken Follett escreveu uma história intrigante, que te prende do começo ao fim, uma leitura incrível que eu recomendo com toda a certeza.

E você que já leu, comente aqui o que achou dessa incrível história. Leia também o review do livro Caixa de pássaros, que é um ótimo thriller psicológico, repleto de mistérios.

Se inscreva em nosso site e não perca as futuras resenhas!

REVER GERAL
Nota
10
Sou a romântica desse enorme Multiverso! Livros são minha eterna paixão, HQs entraram arrombando a porta do meu coração e estão me levando a uma alegre falência... como não se apaixonar pelo Batman ou não amar o Aquaman vulgo Jason Momoa. Este é o meu mundo! Seja bem vindo a ele!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here