Review | Academia Gotham – Mistério na Sala de Aula

Review do encadernado Academia Gotham – Mistério na Sala de Aula, lombada quadrada, capa cartão, papel LWC, 132 páginas, R$ 19,90, que reúne a edições #1-6 da revista Gotham Academy, escrito por Becky Cloonan e Brenden Fletcher e desenhos de Karl Kershl, lançado em abril de 2016 pela Editora Panini.

Sinopse:

Bem-vindo à Academia Gotham, a escola mais prestigiada da cidade. Somente os melhores e mais inteligentes alunos conseguem entrar nos seus salões, ingressar as salas de aula, explorar as passagens secretas… e invocar seus espíritos aterrorizantes! Certo, então a Academia não é como as outras escolas, mas, até aí, Olive Silverlock não é como as outras alunas. Após um misterioso incidente durante as férias, ela volta para a escola com um severo caso de amnésia, uma atitude ainda pior… e um inexplicável medo de morcegos. Olive deveria ensinar para a recém-chegada Maps Mizoguchi como as coisas funcionam. O problema é que Maps é a irmã caçula de Kyle, o ex-namorado de Olive. E isso é o de menos quando o campus passa a ser assombrado por um fantasma e por sociedades secretas conduzindo rituais bizarros!

Comentário edição a edição:

Edição #1: É o primeiro dia de aula para Maps Mizoguchi, e Olive Silverlock é designada para ser sua “babá” na academia. Há um mistério na Sala Norte, onde ninguém pode se aproximar.

Edição #2: Ao realizarem um trabalho juntas, Olive e Pomeline, duas desafetas acabam descobrindo um misterioso mapa no Diário de Millie Jane Cobblepot.

Edição #3: Parece que as aparições do que se acredita ser o fantasma de Millie Jane pode estar relacionado ao mistério da Sala Norte. Ao aconteceu no verão passado envolvendo Olive e sua mãe. Olive, Maps, Pomeline e Colton Rivera decidem invadir o Salão Norte.

Edição #4: Olive desvenda o mistério do fantasma de Millie Jane. Era apenas um truque de Rivera para tentar impressionar Pomeline.

Edição #5: Olive e Maps descobrem que Croc, que fugiu do Arkham no verão passado está vivendo no Salão Norte. Olive quer falar com ele para saber mais sobre sua mãe, Sybil Silverlock que estava no Arkham na mesma época em que Croc.

Edição #6: Batman aparece para prender Crocodilo, mas ele consegue escapar. Mas, antes, revela que Sybil jamais se esqueceu de sua filha Olive. Olive tem raiva do Batman por ter levado sua mãe ao Arkham.

Análise final:

A história basicamente se foca em Olive Silverlock, cuja mãe, Sybil foi presa pelo Batman e levada ao Asilo Arkham, daí a repulsa da jovenzinha pelo vigilante de Gotham. Insegura e incerta sobre sua vida e seu futuro, tudo muda quando Olive se envolve com Maps, Pomeline e Rivera, e um grupo de jovens detetives aventurescos se forma para descobrir os segredos sobre o fantasma de Millie Jane Cobblepot e o mistério do Salão Norte.

Uma agradável surpresa esse primeiro arco com um grupo de jovens estudantes tentando desvendar mistérios que somente Gotham poderia proporcionar. Em tom de ação, suspense e humor, a história chega a lembrar os casos da série animada Scooby-Doo. Ao mesmo tempo, a dupla de escritores tomam o cuidado de abordar de forma séria os sentimentos de solidão e incerteza decorrentes do que aconteceu no “verão passado” para Olive Silverlock. Os desenhos e a colorização são ideais para o tom de mistério da série. Uma leitura que me agradou bastante e pretendo continuar a acompanhar os próximos encadernados. Leitura recomendada.

Nota geral: 8,0

Por Roger

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here