Vingadores 6

Li Os Vingadores #6, formato americano, 76 páginas, lombada canoa, R$ 9,40, lançado em abril de 2017 pela Editora Panini.

Comentário:

All-New All-Different Avengers #6: A primeira etapa do plano de Kang foi um sucesso. Ele conseguiu dividir e fragmentar os Vingadores. Miss Marvel e Nova foram expulsos. Capitão América e Thor ficaram presos em outro tempo e o Visão está sob seu controle. Restaram o Homem de Ferro e Homem-Aranha, com poucas chances de deter Kang, Visão e um exército de várias versões de Equinox. O arco inicial se encerra renovando os relacionamentos entre os novos membros dos Novíssimos e Diferentes Vingadores, principalmente entre os novatos Nova e Miss Marvel, e também o Capitão Sam Wilson e Thor Jane Foster. Mark Waid fez algumas belas homenagens à equipe original, como por exemplo, a maneira como a equipe foi se formando aos poucos e à origem do Visão. Leitura recomendada.

Uncanny Avengers #4: Após o choque ao descobrir que o Homem-Retalho é seu avô, Sinapse o confronta, mas para impedir o futuro caótico de onde veio, Cable precisa intervir. Sua antitoxina está sendo aplicada nos infectados à tempo, graças à velocidade de Mercúrio. Tendo em vista que Sinapse era a única desconhecida do grupo, o escritor Gerry Duggan soube explorar a personagem relacionando-a com o vilão principal da trama. Além disso, ele tem um grupo bem eclético em mãos e que abre possibilidades interessantes em suas interações. Leitura recomendada.

New Avengers #5: Em algum tempo no futuro, Moridun volta a atacar e os Vingadores daquela época não são páreos para enfrentá-lo. Eles descobrem uma conexão com o tempo atual que pode ser a chave para deter o supervilão. No presente, a IMA (Idéias Mecânicas Avante) continua a enfrentar os homens do Criador, mas Billy, o Demiurgo (ex-Wiccano) começa a agir de forma estranha. Os Novos Vingadores estarão envolvidos com viagens temporais. Leitura satisfatória.

Por Roger

Colecionador de HQs Marvel desde 1981 quando comprei minha primeira HQ Heróis da TV Nº 21 pela Editora Abril e HQs DC desde 1984 quando a Abril lançou os três títulos: Super-Homem, Batman e Heróis em Ação. Durante a década de 90, por motivos pessoais, fiz uma pausa, mas retornei em 2000 lendo algumas histórias do universo Ultimate.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here