Planeta Comenta Marvel no Multiverso: Capitão Britânia (Editora Panini)

Veja a análise do Planeta sobre Capitão Britânia, encadernado, lombada quadrada, capa cartão, papel LWC, 244 páginas, R$ 26,90, que reúne a edições #377-388 da revista Marvel Super-Heroes, #1-11 da revista Daredevils, #7-13 da revista The Mighty World of Marvel, escrito por Alan Moore e desenhos de Alan Davis, lançado pela Editora Panini.

showimage-11

Sinopse:

Veja o gênio brilhante de Alan Moore em ação, retratado pelo incrível traço de Alan Davis. Em seu mais marcante trabalho para a Casa das Ideias, o Mago dos Quadrinhos tece uma trama que influencia a estrutura da Marvel até hoje. Acompanhe o nascimento de Multiverso Marvel com suas infinitas terras e perigos.

O Capitão Britânia luta para salvar um universo… e falha! Mas isso é fichinha nas apostas do jogo de Merlyn contra o insano Jim Jaspers, que está reescrevendo a realidade para se tornar o centro do Multiverso! Heróis e vilões morrem, o Capitão Britânia fica transtornado… exceto quando está enfrentando versões de si mesmo… até a morte! Apresentando também as primeiras aparições de Fúria, Opal Luna Saturnyne, a Tropa dos Capitães Britânia e muito mais!

Análise:

Capitão Britânia e seu companheiro, o elfo Jackdaw são enviados por Merlin à uma Londres alternativa. Lá, eles tentam entender como é o funcionamento desse novo mundo repressivo, enquanto precisam sobreviver e até mesmo combater a tirania. Encontram uma aliada, a agente Saturnyne e se depara com um arqui-inimigo poderosíssimo, Mad Jim Jaspers.

Alan Moore dá uma aula de genialidade em seu primeiro e único trabalho pela Marvel. Mostra de forma simbólica sua visão sobre o sistema monárquico inglês ao introduzir personagens como “Algernon”, “Lixo que Caminhava como Homem”, “Tropa do Status”, “Gangue Maluca” e “Renegados”, de forma inteligente e maluca. E como se não bastasse, o escritor abrange a mitologia do herói britânico ao esmiuçar seu passado e fazê-lo trabalhar lado-a-lado com sua irmã Betty Braddock (que futuramente seria Psyloche), uma agente paranormal em uma aventura de espionagem de alto nível. O conceito do multiverso e as sementes do que viriam a ser a perseguição aos heróis são plantadas de forma magistral nesse bizarro conto, cortesia da dupla Alan Moore e Alan Davis. Leitura recomendada.

A Editora Salvat lançou um encadernado abrangendo quase todas essas edições em sua coleção Graphic Novels Marvel #3.

Por Roger

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

+ Lidas da Semana

11 séries de época para se apaixonar

Todo mundo tem uma preferência de narrativa quando procura uma série para ver. Existem séries para os amantes de ficção científica, séries de fantasia, policial,...

Review: O Dragão Negro de Chris Claremont

Quando os anos 1980 começavam, a Marvel começou a estender seu universo para outros rincões. O selo Epic, Illustrated foi uma destas iniciativas, um...

Relembrando Animes – US Manga

Hoje o Relembrando animes vai ser um pouquinho diferente... Ao invés de falar sobre animes os tokusatsus, vou falar sobre um programa de TV....

SDCC 2018 | DC Comics anuncia quatro novas animações para 2019

A DC Comics, entre os diversos anúncios da San Diego Comic-Con, revela quatro novas animações para o ano que vem. Após anunciar os filmes...

Rebobinando – 10 Coisas Que Eu Odeio em Você

O rebobinando de hoje é sobre um filme adolescente clássico do final dos anos 90, baseado em outro clássico, mas dessa vez da literatura,...

Mais Notícias