Review | A Ilha do Dr. Moreau, de H.G. Wells

A razão é o passo, o aumento da ciência o caminho, e o beneficio da humanidade é o fim. - Thomas Hobbes

emmeados de 1986 o escritor londrino Herbert George Wells, mais conhecido como H.G. Wells, presenteou a humanidade com o livro A Ilha do Dr. Moreau. Autor de grandes estórias como A Máquina do Tempo (clique aqui), Guerra dos Mundos, e o Homem Invisível, Wells mantem uma boa relação com a cultura popular, por ser um dos maiores nomes da Ficção Cientifica, tendo suas obras adaptadas em larga escala para outras mídias.

A edição escrita no século 19, apresenta de imediato Charles, cujo tio Edward Prendick viveu uma aventura fora do normal em uma misteriosa ilha. Agora Charles se vê obrigado a dividir com o mundo essa bizarra aventura escrevendo um livro baseado nos relatos que encontrou após a morte de seu tio.

Após naufragar sozinho e totalmente desorientado, Edward é resgatado por um navio misterioso cujo a carga e missão era levar animais selvagens até uma pequena ilha no Pacífico. Após o desembarque, Edward é obrigado a ficar em tal ilha até que tudo se resolva, adiando cada vez mais sua partida. Além de não entender muito bem o clima do lugar, ele é apresentado ao dr. Moreau, um cientista afastado do conselho de medicina por suas ideias radicais sobre teoria evolucionária. O problema não é apenas os estudo polêmico, mas sim seus experimentos horrorosos que deixa cada vez mais Edward enojado e com medo. Após realizar varias pesquisas, o dr. desenvolveu o método chamado de vivissecção onde se cria seres híbridos, uma horrorosa mistura entre animais e humanos. A ilha é tomada por essas criaturas bestiais, cujo o entendimento social é uma incógnita.

A ILHA DO DR. MOREAU - HG WELLS

O livro tem algo que poucos possuem em relação a situações de terror e horror, a atmosfera, o cenário, o clima tenso, é muito bem exemplificado, fazendo com que o leitor realmente tenha uma imersão no universo de Wells, a ponto de sentir medo, repulsa e dó. A narrativa consegue te ambientar de uma forma direta, e a empatia acontece sem que o leitor perceba.

Além da tensão que o personagem de Edward sente e transpassa, Wells claramente, já naquele tempo, fomentava discussões plausíveis sobre religião, ciência, crença e principalmente procedimentos científicos. Os animais transformados na ilha claramente seguem “mandamentos” criados por seu criador, onipotente (nesse caso o próprio dr. Moreau) a evitar irem novamente para A CASA DA DOR. Os 3 principais personagens, dr. Moreau, Edward e Montgomery, trazem consigo crenças firmes sobre o que é a vida: Deus, destino ou acaso.

A ILHA DO DR. MOREAU - HG WELLS

Uma história perturbadora que merece sua atenção por tudo que ela destaca nas entrelinhas e principalmente em suas metáforas. Assim como fez um dia George Orwell com o livro A Revolução dos Bichos. A Ilha do Dr. Moreau é um clássico que traz o terror de uma forma mais crível. Escrito há mais de 100 anos e contemporâneo em suas varias formas. O Romance foi adaptado para o cinema em 1977 estrelando o ator Burt Lancaster como dr. Moreau e anos mais tarde, em 1996, foi a vez de Marlon Brando viver o dr. nos cinemas, contando também com os atores Val Kilmer (Montgomery) e David Thewilis (Edward Prandick). A obra também ganhou sua paródia em um dos capítulos de OS SIMPSONS o episódio foi intitulado “A Ilha do doutor Hibbert” (clique aqui).


Comente:

QUAL SUA OBRA PREFERIDA DE H.G. WELLS?

Não se esqueça de curtir e compartilhar nas redes sociais, leve boas indicações aos amigos e não se esqueça, faça o que for, não saia daqui!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here