Review | Um amor conveniente, de Tessa Dare

Review | Um amor conveniente, de Tessa Dare

Um amor conveniente é o segundo volume da série Girl Meets Duke, da autora Tessa Dare, publicado no Brasil pela Editora Gutenberg. Esse livro conta a história de Alexandra, uma jovem orfã que acerta relógios para ganhar a vida, e Chase, um herdeiro de um duque. 

Sinopse:Depois de perder o seu sustento, Alexandra Mountbatten assume uma tarefa impossível: transformar duas órfãs rebeldes em damas da sociedade. Alex, porém, logo percebe que não é de disciplina que as crianças precisam, e sim de um lar repleto de amor. Mas como irá convencer o guardião delas, Chase Reynaud, disso?

Chase é herdeiro do duque e um verdadeiro cretino quando se trata de assuntos do coração. Várias damas de Londres tentaram mudá-lo, mas falharam na missão.

Como qualquer libertino que se preze, Chase vive de acordo com uma regra: não se apaixonar. Quando uma jovem obstinada tenta corrigir o seu comportamento, o futuro duque decide provar-lhe que não pode ser domado.

Contudo, Alex é inteligente, perspicaz e apaixonante, excedendo as expetativas de Chase. Além disso, ela recusa-se a vê-lo como uma causa perdida, sentindo que deve alcançar o seu coração para ajudar as duas órfãs. Mas conseguirá ela proteger seu próprio coração?

Sabe aquele livro que te faz rir sem parar? Um amor de um duque é esse livro. Os encontros de Chase com Ash, o mocinho do livro anterior, só me fazia rir, já que, antipatizava tanto um com o outro que sequer perceberam como eram parecidos. 

Esse livro me deixou com sentimentos contraditórios. Não gostei de terem feito uma mocinha tão decidida no início da história como Alexandra virar de repente uma rosquinha apaixonada que vai pelo impulso do amor. Não deu tempo suficiente para que essa mudança acontecesse. Essa mudança brusca de personalidade me irritou um pouco.

Já Chase, por mais que tenha se redimido, sua mudança foi gradual, já que Tessa mostra desde o princípio que ele questionava muitas das ações que tomava.

Mas, por mais que o nosso casal de protagonistas tiveram que superar muitas barreiras e intrigas internas, quem mais acrescentou ao livro foram as irmãs Rosamund e Daisy, principalmente essa última que, tão nova, conhecia diversas formas de se matar uma boneca (muitas que eu mesma desconhecia). As cenas dos funerais são hilárias e mostram que essas duas personagens tem muita garra e força de vontade, ainda que sejam crianças. 

Meu sonho seria que Dare fizesse um livro contando a histórias dessas duas sendo apresentadas na sociedade. 

Outras duas personagens que apareceram aqui são as amigas Nicole e Lady Penelope, que fazem parte do grupo de amigas e que devem ganhar seus próprios livros. Nicole e seu jeito mais frio me deixou bem curiosa quanto ao passado dela. 

 

Sobre o autor

Leia mais Reviews

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...

Com Sangue, de Stephen King

Há uma máquina criadora de histórias, com alto índice de produtividade e criatividade que finge se passar por humano chamado S.T.E.P.H.E.N. K.I.N.G. - Hoje...

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...