Review | O Tigre Branco de Aravind Adiga

Review | O Tigre Branco de Aravind Adiga

O Tigre Branco de Aravind Adiga foi lançado no Brasil em 2008 pela Editora Nova Fronteira e teve uma grande repercussão nos meios literários, pois foi o vencedor do premio Man Booker Prize daquele ano.

Aravind Adiga, autor de O Tigre Branco
Aravind Adiga, autor de O Tigre Branco

Agora ele volta aos holofotes devido ao filme baseado no livro que estreou na Netflix e vem recebendo criticas elogiosas, e devido a este sucesso está sendo relançado pela HarperCollins Brasil

E como normalmente, os livros que originam os filmes são sempre melhores, resolvi ler esta obra antes de assistir ao filme, e preciso dizer que o livro não me trouxe boas sensações.

Hoje ouvi Sting no rádio, e confesso que até ele ficou meio diferente depois deste livro.

Tinha muita vontade de ler O Tigre Branco devido a todas as resenhas que já tinha visto na internet, porém não achei tudo isso.

O Tigre Branco em nova edição da Editora Harper Collins
O Tigre Branco em nova edição da Editora Harper Collins

Na verdade achei Politicamente Incorreto demais.

Nao me entendam mal. Eu gosto muito de livro narrados por anti herois, como O Talentoso Ripley, O Perfume, Uma Escada pra o Céu, mas parece que nestes livros foi sempre mais facil entender e aceitar o mau caratismo dos personagens, algo que nao aconteceu aqui em O Tigre Branco.

Gosto de livros com sagas em que as pessoas sobem na vida de maneira honesta. Para mim foi impossível nao comparar este livro com Adeus China de Li Cunxin que tinha lido há pouco tempo e também com A Trança lido recentemente.

Sei que o chines teve mais oportunidades que o indiano, mas mesmo assim não me agradou muito a estória.

Capa estrangeira de Tigre Branco
Capa estrangeira de Tigre Branco

Aqui o autor defende cinicamente a idéia de que a escravidão imposta pela sociedade ao personagem principal o torna isento de culpa por cometer um crime.

É como se ele estivesse simplesmente devolvendo o que foi plantado a vida inteira pelos ricos.

Minha moral não me permite aceitar isso.

Porém acredito que tenha sido essa a idéia do autor. Mostrar que pelo menos na India, de maneira honesta, ninguém chega lá.

O livro é bem escrito, linguagem fluida, pop e super atual.E na verdade para mim reforça a imagem que faço da India: Um grande favelão, onde alguns estrangeiros vão com a desculpa de encontrar uma melhoria espiritual. O autor é extremamente cínico em expor como as coisas funcionam por lá, algo que já havia me abalado muito na leitura de A Trança.

Poster do Filme da Netflix
Poster do Filme da Netflix

Se você sonha com a India mística cheia de dancinhas da novela das oito, leia este livro.

Acho difícil que no fim, a Índia não esteja entre os últimos destinos da sua lista de turismo.

E você, já leu este livro?  Qual a sua opinião?

Converse com a gente nos comentários.

Se você ainda não leu, e ficou interessado, segue aqui um link para compra do livro:

No Submarino: O Tigre Branco

Na Amazon. O Tigre Branco.

Lembrando que ao comprar com estes links, você ajuda na manutenção do nosso site.

E se você curtiu esta resenha, temos muitas outras clicando aqui.

Leia mais Reviews