Review – Nineteen, Twenty-One (Manhwa)

Há um tempo fiz uma postagem sobre os webtoons, que são quadrinhos Coreanos (Manhwas) on line (se quiser saber mais clica aqui) e prometi fazer review dos que eu li ou estou lendo para vocês, então hoje eu trouxe um Manhwa cheio de gatos fofos, para vocês conhecerem.

Mangaká: Yohan (autor) Zhena (desenhista)

Volumes: 2

Genero: Drama, Romance, comédia, Slice of Life, Josei

Tipo: Webtoon (manhwa)

Ano: 2010

Editora: Naver

Serializado em: site Naver Webtoon

Nineteen, Twenty-One conta a história de Yun-lee, uma garota que aos 19 anos de idade sofreu um acidente que a deixou afastada do mundo por dois anos, ela perdeu os exames de entrada da faculdade, amigos e a oportunidade de viver o início da sua juventude. No entanto, Yun Lee tenta dar a volta por cima levando uma vida normal. Ela se inscreve num cursinho para ingressar na universidade, mas continua se sentindo infeliz com a impressão de que não se encaixa no mundo que está vivendo agora.

Yun-lee alimenta gatos de rua em seu intervalo do cursinho e é aí que ela conhece o jovem Ju Dong Hwi que é amigo desses gatos (nya-vericks, como ele chama). Dong Hwi é um rapaz de 19 anos que concluiu o ensino médio, mas não sabe o que quer ser da vida. No momento, seu objetivo é tentar descobrir algo para fazer antes de se tornar um “adulto” cheio de responsabilidades. E essa pode ser a fórmula certa para Yun-lee finalmente entender seu lugar no mundo.

Eu adoro gatos e foi exatamente por isso que Nineteen, Twenty-one me cativou tanto. Foi o primeiro Webtoon que eu li (como eu falei no post sobre webtoons que deixei o link lá em cima), sem nem saber o que eram webtoons e posso dizer que é um dos que eu mais gosto. A História é um drama leve, com desenhos belíssimos (e coloridos) e uma trama que te faz refletir. Além disso, podemos destacar os momentos cômicos do webtoon, que são sempre uma graça.

O Enredo principal deveria ser o romance entre os protagonistas, mas não é. Yun-lee e Dong Hwi tem momentos muito bonitos juntos e eles se completam, mesmo sendo diferentes, mas tudo isso é graças as Nya-vericks. Como os dois tinham um objetivo em comum, passam a alimentar os gatos juntos e juntos tentam enfrentar alguns obstáculos pela frente, como os humanos que não os aceitam porque dizem que eles reviram lixos, estragam jardins, roubam comida, mas com o tempo o casal começa a mostrar que as pessoas precisavam respeitar os gatinhos, afinal de contas eles só estão na rua por consequência da maldade humana e que maltratá-los, não era a saída para resolver a situação em que estavam. Isso foi tocante pra mim, porque eu já cuidei de muitos gatos maltratados e me identifiquei demais com a história do Manhwa.

No mais eu só posso dizer que recomendo demais essa obra, porque é de uma simplicidade belíssima e super bem elaborada. Além de ser uma leitura curta e agradável. E para quem gosta de gatos (ou não) é uma ótima dica para conhecer mais sobre esses incríveis felinos (e quem sabe, se apaixonar por eles!?).