Review | Milionário Arrogante, de Vi Keeland e Pelenope Ward

Review | Milionário Arrogante, de Vi Keeland e Pelenope Ward

Eu não sou uma grande fã de romances contemporâneos nem de Chick-lit, mas a dupla Vi Keeland e Penelope Ward conseguiram me conquistar de vez com Milionário Arrogante. Publicado pela Editora Charme, o livro conta a história de Dex Truitt, ou Jay Reed, dependendo da hora.

O livro já começa com uma cena hilária no elevador, onde Dex conhece Bianca George, uma jornalista que tem certo preconceito com ele sem ao menos conhecê-lo. Eles ficam presos no elevador e Bianca começa a ter uma crise de pânico. Quando o elevador volta a funcionar, Bianca revela que ia entrevistar o milionário Dexter Truitt, sem saber que dividira o elevador com ele todo o tempo. Dex, com medo da reação de Bianca em saber que ele é seu entrevistado, diz ser outra pessoa, nosso querido Jay. Com respostas nada convencionais, o dialogo dos dois já prende o leitor no primeiro capítulo.

_ Na verdade, terei o prazer de entrevistar o próprio Milionário Arrogante.

Dex acaba levando essa vida dupla até que Bianca descobre sua farsa, acreditando que ele apenas a enganava para se divertir, enquanto Dex conseguia sentir ciumes de um alter ego próprio (essas cenas me arrancavam risos). Com medo de cometer os mesmos erros do pai, Dex acaba contando para Bianca a verdade em uma situação bem estranha também, mas no relacionamento dos dois não podemos esperar muita coisa normal. Detalhe que Bianca descobre a mentira de Dexter por causa do melhor personagem secundário do livro: Bandit, o cachorro que Dex adota e que tem várias conversas profundas.

_ Sua amiga é louca, Bandit. Sabia disso? Uma louca total!

O livro poderia ser mais um romance bobinho que teria ido até o fim e me deliciado. Mas, pela segunda vez, a dupla de autoras conseguiram me surpreender entregando uma trama bem mais complexa do que um simples romance. Porque aqui não é só o romance dos dois que é abalado por mentiras que surgiram no incio da trama, mas a própria vida deles é permeada por mentiras que eles só descobriram a partir do momento em que se entregaram ao que sentiam.

Esses problemas pelos quais os personagens passam não vou falar muito para não estragar a graça de ler o livro, mas saibam que Dex, depois que conheceu Bianca, fez dois amigos que melhoraram muito mais Milionário Arrogante: Bandit, como já falei, e Jelani, um personagem que queria que aparecesse mais na história.

Uma coisa que gostei é que nenhum personagem teve que mudar quem é para agradar o outro. Dex, ainda que tenha fingido ser outra pessoa para não decepcionar Bianca, depois que revela a verdade, não muda sua personalidade por ela. E o mesmo vale para Bianca. Os dois ainda são os mesmo do inicio do livro, preocupados com as pessoas, fieis e muito divertidos.

Milionário Arrogante é um romance divertido, engraçado, para maiores de 16 anos e que vale a pena ler para conhecer o trabalho das autoras e se apaixonar pela escrita das mesmas. Eu recomendo muito a leitura, e, principalmente, não se atenham às sinopses dos livros das autoras, eles não estão nem aos pés da obra toda.

Adquira seu exemplar na Amazon

Adquira seu exemplar no Submarino

Sobre o autor

Leia mais Reviews

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...

Com Sangue, de Stephen King

Há uma máquina criadora de histórias, com alto índice de produtividade e criatividade que finge se passar por humano chamado S.T.E.P.H.E.N. K.I.N.G. - Hoje...

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...