Review | Diário de uma escrava, de Rô Mierling

Review | Diário de uma escrava, de Rô Mierling

Diário de uma escrava é um livro controverso e, por diversas vezes, pesado, publicado pela Editora Darkside Books. Escrito pela autora brasileira Rô Mierling, Diário de uma escrava é uma experiência pra o leitor, desde a edição bem feita pela editora quanto às palavras tão trabalhadas de . Para essa resenha, convidei a @cris123marques para contar o que achou do livro.

DIÁRIO DE UMA ESCRAVA – Rô Mierling – ACRÓPOLE REVISITADA
Capa do livro Diário de uma escrava

Sinopse: Laura é uma menina sequestrada e jogada no fundo de um buraco por alguém que todos imaginavam ser um bom homem. Ela vê sua vida mudar da noite para o dia, e passa a descrever com detalhes sinistros e íntimos cada dia, cada ato, cada dor que o sequestro e o aprisionamento lhe fazem passar. Estevão é homem casado, trabalhador, pai de família, mas que guarda em seu íntimo uma personalidade psicopata. Ele percorre ruas e cidades se apossando da vida de meninas ainda muito jovens, pois dentro de si uma voz afirma que é dele que elas precisam. Mergulhando fundo nessa fantasia, ele destrói vidas, famílias e sonhos, deixando atrás de si um rastro de dor e morte.

Narrado em parte em forma de diário, o livro acompanha mais de quatro anos da vida de Laura em um buraco embaixo da terra, período em que algo dentro dela também se modifica de uma forma inimaginável em busca da única maneira para sobreviver. Publicado originalmente na plataforma digital Wattpad, onde já teve mais de um milhão e meio de leituras, DIÁRIO DE UMA ESCRAVA apresenta um retrato duro, cruel, abominável, mas infelizmente corriqueiro no Brasil e em todo o mundo.

Através de Laura, raptada ainda adolescente por um homem que ela chama de “Ogro”, a autora denuncia os diversos tipos de violência que muitas mulheres são obrigadas a suportar em silêncio e nas sombras da sociedade. O “Ogro”, um homem aparentemente comum, honesto e “acima de qualquer suspeita”, mantém Laura presa em uma casa afastada, onde abusa dela sexual e mentalmente, alegando ser ela o seu verdadeiro amor. Laura, compreensivelmente, só pensa em escapar dali. Mas agora ele parece estar mudando. Será que é o melhor momento mesmo para fugir?… Bem, isso você vai ter que ler para descobrir.

Adorei o livro. Diário de uma escrava é uma leitura pesada e angustiante, que faz com que a gente pense na maldade e na loucura do ser humano, e no que muitas pessoas no mundo podem passar diariamente, caladas e na sombra da sociedade. Um sequestro que se transforma em um relacionamento necessário para sobreviver.

Foto Arquivo Pessoal

A história conta como uma adolescente sequestrada sofre nas mãos de seu algoz, e todas as dores e transformações nas quais ela passa para sobreviver. É uma história que vemos (ou não) acontecer diariamente com pessoas acima de qualquer suspeita, que se passam por pessoas de bem e que não vemos a verdade que se passa em sua mente.

Amor não é prisão, é liberdade.

O relacionamento abusivo, a crueldade e o ‘amor surreal’ que Laura sofre mostra o que muitas pessoas, sejam homens ou mulheres, também podem passar em menores escalas, em convívio diário com pessoas que insistem em machucá-los.

Diário de uma escrava trata de vários temas complexos, que cabem diversas discussões. Ainda assim, a história é interessante, prende sua atenção e te faz pensar na realidade, no que acontece no nosso dia a dia e que muitas vezes não vemos ou fingimos não ver, para não sairmos da nossa zona de conforto.

Leitura recomendada para maiores de 18 anos.

 

Garanta seu exemplar na Amazon

Sobre o autor

Leia mais Reviews

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...

Com Sangue, de Stephen King

Há uma máquina criadora de histórias, com alto índice de produtividade e criatividade que finge se passar por humano chamado S.T.E.P.H.E.N. K.I.N.G. - Hoje...

Review | O dia em que te toquei, de Paula Toyneti Benalia

Olá leitores do Mundo Hype! Hoje trouxe para vocês a resenha de uma série de época de uma autora brasileira que tem me encantado...

Review | “VINGADORES PRIMORDIAIS”

Boa noite amigos da Mundo Hype !!! Eu sou o Paulo Cruz e esta é uma coluna sem data fixa de postagem (pintou a ideia, vai...

Review | A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector

Ainda que a canção não tenha sido escrita para a escritora, toda vez que escuto a canção de Caetano Veloso e José Carlos Capinam...

Review | Neurocomic, de Matteo Farinella e Hana Ros

Eu amo livros de divulgação científica, isso é um fato. E quando é possível aliar divulgação científica com quadrinhos e uma edição incrível da...