Review | Eu Sei Onde Você Está de Claire Kandal

Uma leitura pra se fazer com as janelas bem fechadas!

Em todos os lugares que estou você também está. Quando saio do meu apartamento para trabalhar, lá está você me esperando do lado de fora do meu prédio. Você mexe no meu lixo. Aborda-me quando vou ao supermercado. Já disse pra você ficar longe de mim. Já disse a policia que você abusou de mim, mas não tenho como provar, AINDA.


Narrado de forma bastante peculiar acompanhamos a historia de Clarissa e suas tentativas de se defender de seu perseguidor. Essas são algumas coisas que a protagonista tem que enfrentar no seu dia a dia desde que conheceu Rafe na festa de lançamento do seu livro. Um contato breve, mas que transformou a vida de Clarissa em um inferno.

Desesperada, Clarissa busca ajuda e é aconselhada a registrar todas as atitudes de seu perseguidor, guardar todos os presentes e todas as mensagens que recebe (mais de 40 EM UM ÚNICO DIA), todas as fotografias, registrar em um livro todas as situações em que Rafe de alguma forma a assedia. Clarissa dá um titulo para esse registro: “O livro sobre você” – The Book of You que é o titulo original da obra, traduzido no Brasil para “Eu sei onde você esta”.

Logo no começo da historia Clarissa é convocada a fazer parte de um júri, em um caso de violência contra mulher, acompanhamos então uma história paralela a de Clarissa e conhecemos também Jack, colega de júri que se transforma em um interesse amoroso.

A narrativa da autora e extremamente envolvente, às vezes em primeira pessoa, faz com que o leitor tenha a impressão de participar da história como um personagem, como se Clarissa nos contasse diretamente a historia – em outros momentos é feita em terceira pessoa, passa a sensação que estamos espiando a Clarissa o que trás uma experiência MUITO LEGAL A LEITURA.

É EXTREMAMENTE AFLITIVA A FORMA COM QUE RAFE PRONUNCIA O NOME DA CLARISSA EM QUASE TODAS AS FRASES! Trás uma sensação de angústia, de aperto no peito, de desespero, o leitor se sente realmente PERSEGUIDO POR ELE.

A história que acompanhamos no tribunal enriquece bastante o enredo, a forma com que tudo o que Clarissa ouve durante o julgamento, mexe com ela e a faz refletir sobre muitas coisas, foi uma sacada muito inteligente da autora.

A trama é construída por Claire de uma forma que o leitor se vê preso a história. Também temos a parte que conta sobre o que acontece durante o julgamento, algo aflitivo que desperta ansiedade pelo desfecho de ambas. O ENVOLVIMENTO DA CLARISSA COM O JACK É MUITO FORÇADO, durante quase toda historia, não é envolvente, não consegue cativar o leitor, não nos faz torcer por esse casal, aparentemente ele está ali apenas pra que exista um interesse romântico.

Outro ponto que incomoda BASTANTE, é a falta de criatividade da Clarissa, EXISTEM MILHARES DE ATITUDES QUE ELA PODERIA TER TOMADO. Mas ela toma? Não, demora muito para que ela realmente tome uma atitude de verdade.

O Final do livro é em alguns momentos muito “NOVELA MEXICANA”, Passa longe de ser um final feliz, mas é um final justo e que não decepciona.

Com certeza uma estreia muito promissora de Claire Kendal no mundo do suspense.


Leia outras indicações aqui no Mundo Hype e conheça ótimas obras.

Curta, comente e compartilhe nas redes sociais!

REVER GERAL
Nota
8
Admin - Sou a romântica desse enorme Multiverso! Livros são minha eterna paixão, HQs entraram arrombando a porta do meu coração e estão me levando a uma alegre falência... como não se apaixonar pelo Batman ou não amar o Aquaman vulgo Jason Momoa. Este é o meu mundo! Seja bem vindo a ele!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here