Um único momento muda tudo. Em uma respiração, você pode ter tudo. Meio minuto depois, tudo pode desaparecer. Desaparecer para sempre…

30339340-_uy2048_ss2048_

SINOPSE:

Essa era eu. Eu tinha tudo.
E então, em uma reviravolta cruel do destino, tudo foi tirado de mim.
Uma linda vida repentinamente perdida.
Mas ele estava lá. Ele estava lá para me pegar quando eu caí.
Para me proteger. Meu salvador. Minha rocha de apoio. Ele era um estranho.
Somente um estranho sem identidade e com um rosto que eu nunca vou esquecer. Não posso esquecer.
Não vou esquecer. Mas, como todo o resto, ele somente desapareceu. Como se nunca tivesse existido.
Eu tenho que encontrá-lo. Eu preciso encontrá-lo. Ele tem que saber que me salvou. Ele tem que saber que naquele momento fugaz, ele foi tudo o que eu consegui enxergar.

 

FALANDO SOBRE:

A vida é feita de momentos. Quantos momentos preciosos deixamos passar? Ligações que deixamos para depois?Declarações de amor que não são ditas e segundos depois pode ser tarde demais?!

Quando peguei este livro pela capa e sinopse e por ser da Bella, já imaginava um livro perfeito que iria me emocionar e me tocar.

Mas infelizmente não foi assim!

Lucy em um momento é uma mulher grávida, completamente apaixonada pelo marido. Nas primeiras páginas eu me encantei com ela. Lucy me passou doçura, encantamento, um amor verdadeiro pelo Gerard. Mas sabe aquele momento onde tudo pode mudar? Ele aconteceu!

Lucy sofre uma tragédia gigantesca e uma dor muito grande com a perda do filho. Mas, o que mais me chocou foi a perda de tudo. Ela mudou demais. De doce e suave para uma mulher doente, desesperada, sem preocupação com o próximo ou com a dor do outro. Lucy tornou-se uma mulher extremamente insuportável de lidar, uma psicótica. Ela foi salva e se tornou uma perseguidora louca.

Sobre Hunter/Heath, não sei muito o que falar dele. Ele sofreu muito na vida, só conseguiu me fazer sentir pena porque ele se apaixonou por uma mulher tão sem noção como a Lucy.

Gerard perdeu a esposa e o filho e ainda ficou como culpado com a sua dor e o sentimento de  “vida jogada por água abaixo” e ele terminou como se não tivesse valor nenhum.

Para terminar, a única que realmente tinha noção de tudo era a irmã do Gerard. Entendi o porquê que ela odiava a Lucy.

Terminei o livro a odiando.

Achei o livro extremamente corrido e muitas vezes acontecendo várias coisas ao mesmo tempo. Não me emocionou, não irei reler e não me trouxe prazer nesta leitura.

E vocês, o que acharam? Quero saber sua opinião! Me conta?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here