Review | Os Maiores Super-Heróis do Mundo de Paul Dini e Alex Ross

Sem conspiração, sem conflito interno, sem briga entre heróis, apenas o heroísmo que o mundo precisa.

O Escritor Paul Dini e o desenhista Alex Ross proporcionaram uma das maiores e melhores obras da nona arte. Aos fãs de quadrinhos contemporâneo talvez não seja muito comum presenciar ao longo das páginas das hqs, o tom otimista e vivás que essa dupla de autores trazem a essa era de leitores. Originalmente a série de Paul Dini e Alex Ross teve suas primeiras publicações separadas por volta de 1998 e agora, para o deleite dos fãs BR, a Editora Panini trouxe com maestria esse calhamaço de obras de arte intitulada como: OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO.

Compilado em suas 400 páginas, a obra é algo além do habitual abordado pela DC (nos dias de hoje), por mais que a arte de Ross seja algo impactante assim como em JUSTIÇA e REINO DO AMANHÃ, o olhar peculiar abordado nessa edição é algo que agrada qualquer classe de fã, antigo ou novo, adulto ou criança, é de se encher os olhos e preencher os corações.

OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO

A edição traz grandes atrativos. Além de seu gigante tamanho, os extras compõem não apenas um pouco sobre cada herói, mas também os bastidores da produção de Alex Ross e seus moldes. Como cada personagem foi pensado inicialmente, o que cada um representaria, quais suas técnicas e modo de pensar no contexto geral. A edição possui uma primorosa página quádrupla, que nos apresenta dois lindos posteres que enche os olhos. Dignos de uma moldura.

Falando um pouco sobre o contexto. A edição traz 5 arcos principais onde em cada um deles um personagem merece um destaque dentro de sua própria filosofia. A ordem das publicações começa com o arco intitulado SUPERMAN: PAZ NA TERRA, na sequencia temos BATMAN: GUERRA AO CRIME * SHAZAM: O PODER DA ESPERANÇA * MULHER-MARAVILHA: O ESPIRITO DA VERDADE * e por fim LIGA DA JUSTIÇA: ORIGENS SECRETAS.

Basicamente cada arco apresenta o que de mais humano os super-heróis podem ter. As questões que surgem a cada um, como no capítulo, PAZ NA TERRA – Alguém com Superman, beirando a onipotência, um simbolo mundial – O que poderia fazer para acabar com a fome do mundo? Quais atos seriam necessário, quem poderia acreditar junto a ele que esse milagre é possível? São os heróis sendo solicitados e se empregando em causas muito menos magnânimas e muito mais importantes, se vista de uma forma mais humana.

OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO

Como levar a esperança àqueles que estão prestes a perder tudo, como se tornar tão importante pra alguém, a ponto de fazer não só as dificuldades da vida parecerem mais “aguentáveis” mas também colocar um sorriso no rosto de quem precisa. Mostrar também de forma pratica, que mesmo que seu coração esteja tomado pelo ódio, e a vingança é a única coisa que você anseia, a violência não lhe trará a paz que procura, não seja o que você mais teme.

E muito além disso Alex Ross e Paul Dini conseguem com maestria, mostrar como o preconceito e a diferença cultural, podem barrar e envenenar a mente dos mais fracos e levantar questões que se quer deveriam ser pensadas. Como a humanidade é pequena e carente de bons sentimentos. Como tudo seria muito melhor se nós mesmos soubéssemos o quão maléfico somos. Compartilhar o que se tem, vai muito além de coisas tangíveis, talvez um pouco mais de atenção, amor e solidariedade seria o principal para tornar a vida de muitos, muito mais plena.

OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO

Essa sem duvida (analisando de uma forma mais parcial), é a HQ que todos deveriam ler, isso reaviva aquele sentimento bom de esperança que outrora era tão usado nas histórias. O tom otimista que víamos há muito tempo e que hoje parece ser cafona. Super-Heróis salvando o mundo de catástrofes naturais, incêndios, acidentes de trem, nada de um lutando contra o outro por uma diferença de ideal. Nada de passar a mensagem de que as coisas só se resolvem com violência.

Ser “super” vai muito além de ter vantagem na briga, vai além de ter uma super força, velocidade ou magia. É saber quem você é, saber de seus dons e poderes e usar isso não apenas a seu favor, mas para tornar a vida das pessoas muito melhor.

Alguns personagens que não constam um arco exclusivo, tiveram uma pequena biografia apresentando o básico de cada um, como: Flash, Aquaman, Lanterna Verde, Caçador de Marte e a Liga B. Todos fundamentais. Seus pensamentos, seus conceitos e jeito de encarar tudo, torna de fato SUPER cada um deles. O drama do Caçador de Marte é algo bonito de se ver, alguém que entende perfeitamente a dor da perda, acompanha de perto e de longe a magnitude de todo planeta e a solidão dentro de cada um.

OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO

Lembrando que a narrativa gráfica utilizada por Alex Ross é animal, além de sua arte, ele e Paul conseguem empregar muito bem cada cena, levando o leitor para dentro dos ambientes apresentados. É como se aquele mundo realmente já tivesse existido em outras épocas, e somos transplantados para cada momento, vivendo um show de realismo e emoção.

As histórias despertam sentimentos bons que merecem ser semeados. Pois os autores conseguem mostrar por um breve momento, quão bom seria tê-los na terra para ajudar a humanidade a resolver seus problemas reais. Sem guerra, sem fome, sem violência, sem preconceito e sem maldade. Uma utopia, que não seria alcançada de uma vez, mas sim com um dia após o outro. São os heróis que o mundo conhece, ajudando seus jovens e velhos leitores na formação de caráter.


Conte-nos um pouco sobre o que acha da arte de Alex Ross e se leu essa edição, o que achou?

Curta, comente e compartilhe nas redes sociais. Aqui no Mundo Hype, sempre traremos ótimas edições, histórias e indicações. Leia nossos reviews, criticas, noticias e artigos. Não saia daqui!

OS MAIORES SUPER-HERÓIS DO MUNDO

REVER GERAL
Nota
9.5
Leitor compulsivo, bebedor de café e entusiasta quando se trata de leitura. Técnico em Marketing por formação e Locutor por paixão. A minha missão declarada é te tornar um leitor tão apaixonado quanto eu. A leitura é uma fonte inesgotável de conhecimento, todo livro é interessante, basta conhecer a si mesmo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here