Review | Hinário Nacional de Marcello Quintanilha

"Será que ninguem enxerga, minha gente, que não adianta vestir uma fantasia se por baixo existe a mesma pele imunda?"

A obra da vez é do brazuca Marcelo Quintanilha, dono de outros premiados quadrinhos como: Tungstênio e Talco de Vidro, chegou a vez de apresentar Hinário Nacional, publicado em 2016 pela nossa parceira, Editora Veneta.


Basicamente Marcello nos apresenta um conjunto de histórias intrinsecamente ligadas e ao mesmo tempo desconexa uma a outra, talvez pelos sentimentos que despertam, talvez pela tristeza que cada personagem carrega, tudo sutilmente alocado ao longo de suas páginas. De início acompanhamos a tristeza e de uma jovem moça que ao longo de sua vida, grita dentro de si mesma buscando e desejando ser compreendida. Rogando dentro de si para que sua personalidade mude e ela consiga de fato fazer e ser diferente do que é atualmente. O tesão da vida que lhe falta, influencia todo seu planejamento e sua definição de vida agradável.

HINÁRIO NACIONAL - MARCELLO QUINTANILHA

A edição apresenta mesmo que de modo metafórico, acontecimentos trágicos na vida de qualquer pessoa como o estupro. Algo desse gênero não causa apenas um trauma físico momentâneo, mas também algo que marcará sua alma para o resto de sua existência. Pessoas que abusam da inocência de outra, se beneficiam momentaneamente de algo que não deveria, violentam o espirito e deixam marcas difíceis de esquecer. Por outro lado, como o saudosismo pode ser maléfico se vivido fora de contexto, como a memória pode fazer seus dias mais felizes e como pode acabar com eles. A idade chega pra todos, o implacável tempo vem lhe cobrar o que é emprestado nos momentos de sua vida, e tudo isso carrega uma carga de tristeza que poucos consegue aguentar.

A edição além de ser um primor em narrativa gráfica, nos causa uma impressão muito pessoal dependendo do capitulo apresentado. As metáforas e imagens usadas para ilustrar os problemas é um diferencial que merece todos os elogios possíveis. O bom mesmo para que seja mais fácil e melhor de absorver os detalhes, é ler duas vezes. A primeira para reconhecer os personagens e o contexto, e a segunda para realmente conseguir entrar na cabeça de cada personagem. Uma edição que envolve, pecado, trauma, arrependimento e tristeza. Alguns caso onde pessoas vivem apenas para agradar outras, não se valendo de suas própria vontades e sonhos.

Vale cada segundo de sua leitura!

Leia também outros ótimos quadrinhos alternativos como Paciência e O Soldador Subaquático.

Curta e compartilhe nas redes sociais e não deixe de deixar nos comentários:

Quais obras te levaram a refletir sobre seus sentimentos?

HINÁRIO NACIONAL - MARCELLO QUINTANILHA

REVER GERAL
Nota
8
Leitor compulsivo, bebedor de café e entusiasta quando se trata de leitura. Técnico em Marketing por formação e Locutor por paixão. A minha missão declarada é te tornar um leitor tão apaixonado quanto eu. A leitura é uma fonte inesgotável de conhecimento, todo livro é interessante, basta conhecer a si mesmo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here