Li Capuz Vermelho e os Foragidos #8-13, do encadernado Red Hood and the Outlaws: The Starfire, com roteiro de Scott Lobdell e desenhos de Kenneth Rockafort, Timothy Green II e Pascal Alixe, e tecerei breves comentários sobre as edições.

Edição #8: Jason e seus companheiros Foragidos vão até Gotham. Lá, a vingativa Suzie Su exige que o Capuz Vermelho se entregue, caso contrário, ela irá começar uma verdadeira chacina.

Edição #9: Atendendo ao pedido de socorro de Alfred, Capuz Vermelho, Arsenal e Estelar vão salvar a vida de mais um dos alvos dos Garras – Victor Fries, o Senhor Frio. O problema é que ele não precisa e nem quer qualquer ajuda.

Edição #10: Tamaran, o planeta natal de Koriander está em perigo. Apesar de tanto tempo longe de casa, a princesa assume a responsabilidade de livrar seu povo da ameaça que os cerca. E ela não está sozinha.

Edição #11: Arsenal é capturado pelo Flagelo e descobre que Komander está por trás da invasão de Tamaran, para atrair sua irmã caçula. E mesmo Koriander está dividida entre ajudar o povo que virou as costas para ela, ou simplesmente volta para seu novo lar, a Terra.

Edição #12: Aparentemente capturado, Arsenal mostra que tudo não passou de um plano para levar Komander até a nave onde se encontra Koriander e seus aliados. Resta saber como se dará o reencontro das duas irmãs.

Edição #13: Komander e Koriander, duas irmãs com um passado de relacionamento conturbado, unidas para retomar seu planeta de volta do tirano Flagelo.

Arco principal focado na princesa Koriander, a Estelar atendendo a um pedido de socorro de seu planeta Tamaran. Capuz Vermelho é praticamente um coadjuvante e Arsenal ainda se sobressai pela narração dos eventos, mas Estelar é a personagem a ser trabalhada. Os Foragidos ainda participam de Noite das Corujas. Leitura razoável.

Por Roger

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here