Li Homem-Aranha Vingador #1-5, do encadernado Avenging Spider-Man: My Friends Can Beat up Your Friends, com roteiro de Zeb Wells e desenhos de Joe Madureira, Greg Land e Leinil Francis Yu, e tecerei breves comentários sobre as edições.

Homem-Aranha Vingador #1-5, do encadernado Avenging Spider-Man: My Friends Can Beat up Your Friends

Edição #1: Depois de um trabalho com os Vingadores, Hulk Vermelho dá uma carona para o Homem-Aranha até Nova York. Lá chegando, descobrem que a cidade foi atacada pelos moloides e o prefeito J. Jonah Jameson raptado e levado até a presença do Toupeira, porém, ele já não domina mais os subterrâneos.

Edição #2: Os subterrâneos são dominados por Ra’Ktar e seu poderoso exército. Os moloides trouxeram Jameson na esperança de que, como “líder” pudesse combater o tirano e libertar seu mestre Toupeira. Felizmente, o Homem-Aranha e o Hulk Vermelho também foram capturados.

Edição #3: Com o Hulk Vermelho derrotado e gravemente ferido, resta ao Homem-Aranha deter a praticamente imbatível Ra’Ktar, salvar Jonah Jameson e impedir uma invasão ao mundo da superfície.

Edição #4: Capitão América pediu para o Homem-Aranha sair em patrulha com o Gavião Arqueiro e eles se deparam com a Sociedade da Serpente. Nunca antes os tiros precisos de Clint Barton foram tão necessários.

Edição #5: Alguns vingadores encontram antigos rascunhos de desenho de Steve Rogers na Mansão dos Vingadores. Isso traz à tona boas recordações. Mas, antes, eles têm de deter a Sociedade da Serpente.

Título que lembra a antiga e clássica série Marvel Team-Up, onde o Homem-Aranha vivia alguma aventura ao lado de outro herói do panteão Marvel.

Por Roger

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here