A Realeza – Mestres da Guerra | HQ da Vertigo traz a 2ª Guerra Mundial como Nunca Vista Antes

A Editora Panini lançou nesse mês a HQ – A REALEZA – MESTRES DA GUERRA (THE ROYALS – MASTERS OF WAR) Escrita por Rob Willians, com a arte de Simon Coleby. A edição contém um teor adulto e usa como pano de fundo a segunda guerra mundial. Por tudo que ela representa não poderia ser publicada de outra forma senão pelo selo Vertigo, que carrega as histórias mais pesadas e adultas da DC Comics.

O cerne da história apresenta a família real britânica e suas influências (ou não) à segunda guerra mundial. O diferencial é que a rainha, os dois príncipes e a princesa possuem super poderes que facilmente decidiriam o rumo da guerra. O príncipe Henry mesmo sendo poderoso cresceu sem ter noção dos seus poderes e vive a sombra de seu irmão mais velho Arthur (A displicência em pessoa). Assim como sua mãe a princesa Rose é telepata, capaz de se comunicar com qualquer pessoa e absorver seus pensamentos e sentimentos. Apenas o Rei da Inglaterra não possuí poderes, mas isso não tira em nada sua autoridade.

O grande problema da família britânica é que outros governantes de outros países também possuem seus poderes e isso desequilibrará as nuances da guerra. Até então ninguém havia se manifestado levando a guerra a outros níveis super poderosos, por um acordo feito entre esses super-seres. Mas após a quebra desse acordo não há nada nem ninguém que impedirá EUA, JAPÃO, ALEMANHA, RÚSSIA e FRANÇA de utilizarem seus campeões também.


A edição é muito bem escrita, a narrativa gráfica agrada e contribuí para o ritmo da leitura. A linguagem da HQ é bem clara e direta, os autores claramente fizeram o dever de casa e referenciaram vários momentos da nossa real história em meio ao caos. O que a edição não deixa claro, é se haverá ou não continuação da história. Por ser um título genérico, pode ser que seja apresentada a cada edição guerras diferentes em momentos distintos. Em vários momentos o leitor é surpreendido com plot-twists ricos e coerentes que deixam a história mais instigante.

Embora seja uma edição relativamente curta com suas 148 páginas, a ideia é ótima e merece a atenção do leitor. O que de fato fica como ponto de destaque, é a capacidade dos autores de mesclar a história real da guerra com tons super-heroicos e conseguir mesmo assim encontrar sentido ao longo do desenvolvimento.

Agora o que lhe resta é apenas adquirir essa edição e aproveitar essa ótima leitura.


Confira nossas indicações da 9° arte clicando aqui e deixe nos comentários:

Qual HQ do selo Vertigo você mais gostou de ler?

Curta, comente e compartilhe nas redes sociais, é o MH trazendo novidade pra você!

A REALEZA - MESTRES DA GUERRA

REVER GERAL
Nota
9
Leitor compulsivo, bebedor de café e entusiasta quando se trata de leitura. Técnico em Marketing por formação e Locutor por paixão. A minha missão declarada é te tornar um leitor tão apaixonado quanto eu. A leitura é uma fonte inesgotável de conhecimento, todo livro é interessante, basta conhecer a si mesmo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here