Relembrando Animes – Hamtaro

Cuidado!!! O Relembrando Animes de hoje possui altas doses de fofura! No Anime de hoje tem muitos hamsters lindinhos que – citando o narrador da sessão da tarde – sempre se envolviam em altas aventuras.

Hamtaro foi um anime de muito sucesso no japão, foi lançado em 7 de julho de 2000 e teve o total de 296 episódios. Foi transmitido pela TV Tokio e finalizado no dia  31 de março de 2006. No começo dos anos 2000, Pokémon era a febre do momento e como todos sabemos, muitos animes foram inspirados por ele. Foi então que a Shogakukan teve uma brilhante ideia de transformar em ícone, um bichinho que diferente de Pikachu, existia no mundo real. O bichinho escolhido, não poderia ter sido melhor, um hamster. Quem realmente lucrou com isso foram as pet shops, estima-se que no auge do sucesso da série, a procura pelos bichinhos duplicou, algumas lojas até reservavam hamsters que seriam mais parecidos com os personagens do anime.

Aqui no Brasil o anime teve sua estreia pelo Cartoon Network, no dia 1º de Abril de 2002. Em janeiro de 2003, Hamtaro foi transmitido na TV globinho, mas a Rede Globo exibiu apenas 53 episódios da série, enquanto o Cartoon Network depois de um tempo veiculou mais 54 episódios inéditos, totalizando apenas 107 episódios transmitidos em nosso país.

 

O anime conta a história do hamster Hamtaro, que mora com sua dona Laura, certo dia ele consegue escapar de  gaiola e chega até o quintal, assim ele acaba conhecendo Fofuxo, o hamster de estimação da melhor amiga de Laura que é doido por sementes de girassol. Na busca por uma semente perdida, ambos caem em um buraco onde conhecem o Chefe, que escava túneis e não possui dono. Apaixonado pela doce Bijou, os três acabam indo até o encontro da pequena roedora na tentativa de fazer Chefe se declarar para ela, mas a coisa não dá muito certo. Conforme o anime vai passando, hamtaro faz amizade com vários outros hamster e eles criam o clube dos Ham Hams, aonde sempre se reúnem quando seus donos não estão em casa e sempre arrumam alguma aventura diferente para se divertir.

Cada ham-ham possui uma particularidade e se comunicam com uma linguagem que já rendeu até dicionário. Além dos personagens que eu já citei, também tem: Penélope, a caçula da turma e vive coberta por um paninho, Mauricinho é o intelectual, Touquinha vive pondo alguma coisa que sirva como chapéu na sua cabeça, Soninho só dorme, Pashmina é a elegante da turma e possui um cachecol em torno do pescoço, Tureco é um caipirinha, Aurélio o inteligente, Jingle é um poeta que não fala coisa com coisa, Jojô é o atleta, João é o romântico e Panda é um ótimo carpinteiro.

 

Além das aventuras dos hamsters, o anime também conta sobre a rotina da vida de Laura com sua família e amigos, em casa e na escola. Os episódios sempre terminam com ela escrevendo no seu diário: “Hoje o dia foi bom, mas amanhã vai ser melhor ainda”. Laura sabe do segredo dos Ham Hams e por isso acaba se tornando a protetora deles, mas acaba sendo ajudada pelos hamsters muitas vezes. A família também tem um cachorro chamado Bóris (Brandy no original), que sempre aparece dormindo em sua casinha, mas quando Hamtaro e sua turma precisam de ajuda, ele sempre aparece para salva-los.

O mais legal em Hamtaro é que você não precisava assistir os episódios seguidos, na maioria das vezes, a história tinha começo meio e fim em um único episódio. Alguns episódios focavam em um dos ham hams, mas a maioria era sobre o trabalho em equipe deles. Tanto que eles sempre usam o poder “ham ham”, que é simplesmente a capacidade de trabalhar em conjunto e ajudar os amigos.

 

Hamtaro é um excelente anime infantil. Tanto pela inocência quanto pelo carisma, sempre ensinando uma lição e sobre amizade e companheirismo. E não ache que só criança assistia o desenho, eu tinha 17 anos quando o anime foi transmitido aqui no Brasil e adorava assistir. Era divertido e repleto de fofura, impossível resistir. Inclusive tenho até hoje um Hamtaro de pelúcia que guardo com todo o carinho.

Os temas de abertura e encerramento aqui no Brasil, foram adaptados da versão americana, que manteve a música e até o clip original para o encerramento, claro, traduzido para o inglês. Então como é de costume, deixo a abertura de Hamtaro para vocês relembrarem e ficarem cheios de fofura: