Rebobinando – Gremlins

Mais um rebobinando e o filme de hoje é um clássico dos anos 80 que reúne praticamente tudo o que os filmes de fantasia daquela época apresentavam,  desde, comédia, terror, melancolia, crítica social até os incríveis efeitos especiais (que hoje em dia não são mais tão incríveis, assim).

Com produção executiva de Steven Spielberg, roteiro de Chris Columbus e direção de Joe Dante, Gremlins é um filme americano de 1984. O longa-metragem de humor negro foi feito pela Amblin Entertainment e distribuido pela Warner Bros.

 

O inventor Rand Peltzer quer comprar de presente para seu filho Billy algo único. Então ele entra em uma loja de artigos chineses e se depara com um bichinho fofo e peludo chamado de Morgwai. No começo o dono da loja não aceita vender, mas acaba cedendo com a condição de que eles cumprissem as regras de Morgwais: Não colocar ele sob luz forte, porque poderia matá-lo, não molhar o bichinho e a regra mais importante – Em hipótese alguma alimentá-lo após a meia-noite.

Claro que Rand não deu bola para isso e levou para casa o presente. Seu filho ficou maravilhado e colocou nele o nome de Gizmo. A confusão começa quando Gizmo começa a se multiplicar após ser molhado acidentalmente, o que torna impossível impedir que eles se alimentam depois da meia noite, se transformando assim nos terríveis Gremlins, trazendo o caos para a cidade Kingston Falls.

 

Filmado quase que integralmente em estúdio, Gremlins passa aquela confortável atmosfera de filme de baixo orçamento, modesto. Apesar disso os cenários são muito bem construídos, desde as vistas externas da cidade como os interiores. Destaque para a cena em que eles invadem um cinema.

Enfim, podemos afirmar, sem qualquer tipo de dúvida, que Gremlins é um dos principais representantes do estilo que predominou na maioria dos filmes de terror da década de 80, que além dos sustos e dos bons efeitos, não dispensavam a aventura e o humor. Em poucas palavras: imperdível, divertido, cativante e principalmente, inesquecível.