Ryan Reynolds levou uma lembrancinha das filmagens de Deadpool…

Há apenas quatro meses e meio antes de vermos o Mercenário Tagarela retornar à tela grande no filme +18 de Deadpool, temos uma revelação de Ryan Reynolds. Considerando o tempo que levou a 20th Century Fox para tirar o projeto do chão, a estrela Ryan Reynolds recentemente revelou que ele tinha dedos leves e que ele roubou uma lembrancinha do set: 

“Eu adorava usar [o traje] e eu fugi com um,” ele disse a Marie Claire. “Eu provavelmente vou entrar em apuros por dizer isso, mas eu esperei 10 anos para fazer este filme, então eu estou saindo com a merda do traje!”

Ryan Reynolds mais tarde confessou que os 10 anos de espera para fazer Deadpool podem ter sido benéficos, especialmente considerando o que o diretor Tim Miller trouxe para o mutante que quebra a quarta parede.


“Às vezes, o jogo longo compensa. Eu nunca pensei que chegaria à um bom termo, tem sido uma batalha difícil, mas não havia como acabar com o apetite para o personagem na tela.” 

Reynolds continuou, discutindo o orçamento do filme e como a sua quantidade menor também foi benéfica. 

“Nós fizemos isso com uma ninharia relativa em comparação com a maioria dos filmes de super-heróis, mas realmente nos permitiu explorar o personagem. Quando você vê o filme, você pensaria que é um filme de US $ 150 milhões, mas na verdade não é nada disso.”

Com base no mais não-convencional anti-herói da Marvel Comics, Deadpool conta a história de origem do ex-forças especiais e mercenário Wade Wilson, que depois de ter sido submetido a um experimento desonesto que lhe deixa com poderes de cura acelerado, adota o alter ego Deadpool. Armado com suas novas habilidades e um sentimento obscuro, com um humor estranho, Deadpool persegue o homem que quase destruiu sua vida. 

Dirigido por Tim Miller, e estrelado por Ryan Reynolds (Wade Wilson), Morena Baccarin (Vanessa Carlysle), TJ Miller (Weasel), com Ed Skrein, e Brianna Hildebrand (Ellie Phimister), o Deadpool está programado para estrear nos cinemas em 11 de fevereiro, de 2016.

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você não está conectado à internet