Guardiões da Galáxia Vol. 2 – James Gunn fala sobre ter utilizado Ego antes do acordo entre Marvel e Fox!

O diretor de Guardiões da Galáxia Vol. 2, James Gunn, revelou se tinha ou não tinha Ego, O Planeta Vivo em mente para o filme antes da Marvel Studios conseguir adquirir o personagem da 20th Century Fox.

James Gunn disse que sabia que o pai de Star-Lord acabaria sendo Ego, O Planeta Vivo quando ele estava trabalhando no primeiro filme, mas depois de relatos de que a Marvel Studios só recentemente adquiriu o personagem depois de um negócio envolvendo Deadpool, poderia ser que ele originalmente tinha outra pessoa em mente? Indo em sua página do Facebook mais cedo hoje, o cineasta revelou que ele realmente sempre quis Ego.

“Quando eu lancei Ego como o pai de Quill, eu pensei que nós possuíssemos o personagem. Depois que eu tinha elaborado uma história muito elaborada com Ego O Planeta Vivo como uma parte muito importante do universo cósmico da Marvel, que eu soube que nós realmente não tínhamos. Eu não tinha nenhum plano de back-up, e seria quase impossível simplesmente deixar sair outro personagem. Graças a Deus, Fox veio até nós e queria fazer um acordo. Se esse negócio não acontecesse, quem sabe quem teria acabado substituindo o Ego!”

As coisas funcionaram bem para a Marvel aqui, embora você tenha que se perguntar se a Fox percebeu que estava desistindo de um personagem tão importante pela oportunidade de ajustar apenas um de seus muitos mutantes. Dado ao sucesso de Deadpool, eles provavelmente não se importam muito, e vamos ver o Ego de Kurt Russell em ação quando Guardiões da Galáxia Vol. 2 fazer o seu caminho para as telonas em Maio que vem.

Confira quando estreia todos os filmes anunciados da Marvel e da DC!

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você não está conectado à internet