Livro de Paul Auster apresenta uma instigante reflexão sobre a vida

O que define uma vida? Quais escolhas formam um indivíduo? O que constrói uma identidade? Em 4 3 2 1 , o mais ambicioso romance de Paul Auster, essas questões são levadas às últimas consequências. Contando a história de Archie Ferguson, filho de Stanley e Rose, nascido no dia 3 março de 1947,  Auster constrói não uma trajetória, mas quatro diferentes percursos de vida trilhados por Archie.

O autor Paul Auter

Desde o êxito de A trilogia de Nova York, de 1987, sua estreia na ficção, Auster tornou-se um dos principais nomes da literatura contemporânea, publicando grandes sucessos de crítica como Leviatã e Desvarios no Brooklyn. Após um hiato de sete anos, o escritor retorna à prosa com seu projeto mais ousado, um livro que faz voce pensar sobre o que aconteceria se as suas relações e condições — financeiras e familiares — fossem outras, como se a mesma pessoa habitasse universos paralelos.

Lançado pela Companhia das Letras, 4 3 2 1, com tradução de Rubens Figueiredo, é um exercício literário, que o autor instiga uma profunda meditação acerca de um dos temas mais recorrentes em sua obra: o poder do acaso. O resultado é um romance monumental, uma reflexão sobre o que nos torna humanos, o que podemos controlar e tudo o que há de mais imprevisível no destino de cada indivíduo.

Um livro finalista do premio Man Booker.

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você não está conectado à internet