Kingdom | Nova série coreana da Netflix se passará no período medieval da Dinastia Joseon

Não é de hoje que a Netflix busca produzir séries com temas diversificados e que visam atender os mais diferentes públicos. A próxima grande atração que chegará no dia 25 de janeiro ao catálogo do serviço streaming é uma produção coreana e se passa no período medieval da Dinastia Joseon e é inspirada em verdadeiros eventos históricos, quando um príncipe da coroa é enviado em uma missão suicida para investigar um misterioso surto, o que o leva a descobrir uma verdade brutal que ameaça o reino.

Estranhos rumores sobre a doença do rei deixam todos aterrorizados. Agora, o príncipe herdeiro é a única esperança contra a misteriosa epidemia.

A série Kingdom pode ser considerada como um thriller de mistério zumbi, porém o diretor Kim Seong-hun (“O Túnel”) disse em entrevista que os mortos-vivos nesta série são diferentes de certa forma, pois são vítimas da peste. A premissa da série foi inspirada em um registro encontrado que datava do século 19, nele trazia relatos de uma praga nos Anais da Dinastia Joseon e basicamente dizia: “No outono, uma misteriosa doença começou a se espalhar a partir do oeste, e em 10 dias dezenas de milhares de pessoas morreram em Hanyang [atual Seul]”. Considerada a documentação contínua mais longa do mundo de uma única dinastia, os anais também são considerados verdadeiros e “objetivos”, pois nem mesmo o rei podia lê-la.

“Se essas vítimas da peste correram ou se moveram lentamente – que é uma característica que pode ser muito importante para os fanáticos zumbis – é realmente tão importante em termos de significado narrativo. Por exemplo, eu realmente pensei em como, se elas funcionassem, se tal Atletismo dinâmico poderia ser utilizado para aumentar o fator de horror “, disse  o diretor Kim Seong-hun.

 

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here