Programação Oficial da 17° Bienal do Livro

Olá pessoal! Agora falta bem pouquinho hein. Exatos quatro dias para o maior evento literário no Brasil começar. Hoje escolhi falar de alguns eventos oficiais que acontecerão e conta um pouquinho do que vai ser cada um.

Inicialmente quero chamar atenção para o viciados em mangás é a presença de 3 estandes muito especiais que sempre contam com diversão garantida.

Comix:

Esse ano o estande da editora está no Pavilhão Verde, L09/09. Sempre passo por lá, é visita garantida, e mesmo que aquela fila não seja de Deus – porque está sempre dando a volta ao mundo – vale muito a pena. SEMPRE VALE! Adoro contar com a disposição do pessoal para repor mangás e a variedade é uma coisa de louco. Não deixe de passar lá!

Panini:

Confesso que estou ansiosa tentando descobrir o que a Panini vai aprontar esse ano. Sempre na Bienal eles fazem uma loucura de colocar um personagem em tamanho grande, e nem preciso dizer que os adultos a garotada vai a loucura né? Já teve Hulk, Homem de Ferro, Batman, Lanterna Verde. E agora, qual será a surpresa dessa edição? Vá lá conferir! Pavilhão Azul, K02.

Cubovoxes:

Essa programação com certeza foi uma das melhor. Porque? Porque dá voz ativa aos jovens envolvidos na literatura. Os temas que irão fazer parte do debate nesse espaço é sobre os anseios e cotidianos dessa geração que a cada dia estão mais presentes na economia e sociabilidade, e terão a oportunidade de conversar com pessoas que compartilham as mesmas ideias.

A ideia desse cubo que aparenta uma caixa de som partiu do curador João Alegria, parceiro da Bienal há quatro edições. Segundo ele, o ambiente será “um cubo que falará alto com a juventude”.

Entre os participantes, estarão nomes como: Carina Rissi, Lu Piras, Joh Malerman, Raphael Draccon, Ana Beatriz Brandão, Marina Carvalho, Marcus Faustini, Yasmin Thainá, Affonso Solano e Mariana Enríquez.

Café Literário:

É a atividade que ainda permanece a mesma, com aspectos de debate dedicados a todo tipo de cultura. A presença de escritores brasileiros e internacionais de diferentes gêneros e estilos, e entre muitos outros temas, haverá uma sessão em homenagem aos 450 anos do Rio de Janeiro, debatendo a a literatura e a cultura carioca sob vários aspectos.

Pedro Bial será uma das atrações falando sobre o tema “Por que Shakespeare no Brasil de hoje?”, falando porque certos autores do passado ainda tem o poder de se perpetuar no imaginário contemporâneo, e o que tem a nos dizer nos nossos dias. E também  quadrinistas como Gabriel Bá, Fábio Moon, Tiago Lacerda e Allan Sieber, que são alguns quadrinistas do Rio e São Paulo se encontraram para conversar sobre “O Movimento nos Quadrinhos” e o fortalecimento do mercado no Brasil, sobre seus trabalhos e também sobre as adaptações de clássicos da nossa literatura para o formato.

Para outras dúvidas consulte sempre o site oficial do evento e fiquei por dentro das novidades: AQUI.
E não esqueça que comprar o ingresso antes em postos de vendas ou na internet é sempre uma boa dica, evita filas e perda de tempo. Para comprar, clique AQUI, também no site da Bienal.

Beijos e nos vemos lá na próxima semana!

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here