Crítica – Star Wars Rebels 1° temporada

Como já sabemos, quando a Disney passou a ter os direitos sobre Star Wars, o antigo Universo Expandido foi esquecido e começaram a desenvolver um novo.

Uma das formas de apresentar esse novo UE, foi com a série animada “Star Wars Rebels.” Com um visual leve e um enredo simples, Rebels é uma animação voltada para o público infanto – juvenil, que preenche o “buraco” deixado entre os episódios III e IV.

A série mostra como o imperador está começando a dominar a galáxia, a expansão do Império e ao mesmo tempo vemos como a aliança rebelde começou a surgir. Além de contar com a trilha sonora original, composta por John Williams. O visual dessa animação remete muito ao da antiga trilogia.

 

Rebels

Rebels conta a história de Ezra Bridger, um orfão solitário que vive no planeta Lothal e acaba conhecendo um grupo de rebeldes composto por: Hera, piloto e dona da nave Ghost, Kanan, que esconde um pequeno segredo, a Mandaloriana Sabine, o mal humorado (mas engraçado) Zeb e o droid chopper. Logo, Ezra acaba se juntando a eles.

É então revelado, que Kanan era um Padawan, quando o império executou a ordem 66, massacrando os Jedi e dominando o senado, ele conseguiu escapar e tenta esconder isso, para não ser descoberto pelo império. Mas Ezra também tem “a força” e mesmo relutante, por não ter completado seu treinamento Jedi, Kanan aceita treinar o pequeno Padawan.

Assim começa a primeira temporada dessa nova animação de Star Wars, que segue contando as tentativas desse pequeno grupo, de acabar com o império e o ínicio do treinamento de Ezra para se tornar um Jedi. Somos então apresentados a um novo vilão, Sith Inquisitor, que acaba percebendo a força nos nossos personagens e começa a persegui-los. A presença dos Stormtroopers é constante na animação, muitas vezes em cenas divertidas e atrapalhadas. Em determinado episódio, Ezra se infiltra no império e participa do treinamento para se tornar um Trooper. Uma forma interessante de mostrar como eles pararam de usar os clones, recrutando soldados humanos.

Sith Inquisitor

Ao longo dessa temporada, vamos conhecendo muitos personagens novos, mas não podemos esquecer de alguns de nossos velhos conhecidos, como Lando, a voz de Yoda, Tarkin e ele, nosso vilão favorito, Darth Vader. No último episódio da temporada, contamos ainda com a aparição de uma personagem muito querida pelos fãs de outra animação, Star Wars – The Clone Wars, Ahsoka Tano.

Darth Vader

Star Wars Rebels se mostrou uma animação de excelente qualidade, apesar de seu lado infantil, é uma ótima maneira de preencher o vazio deixado após o episódio III. Eu como fã (e fã chata, por sinal), fiquei muito feliz com o resultado dessa nova série animada. E recomendo muito, pra quem quer se aprofundar nesse universo tão espetacular de Star Wars.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

+ Lidas da Semana

Nova graphic novel da AVEC apresenta um universo que mistura Steampunk, fantasia e Superequipes.

Chega este mês às principais livrarias e lojas especializadas em quadrinhos do Brasil, o novo trabalho do escritor bestseller Felipe Castilho (autor de A Ordem Vermelha: Filhos...

11 séries de época para se apaixonar

Todo mundo tem uma preferência de narrativa quando procura uma série para ver. Existem séries para os amantes de ficção científica, séries de fantasia, policial,...

Lançamento de Resgatar o Brasil, de Jessé Souza e Rafael Valim

A Editora Contracorrente e a Boitempo apresenta o lançamento da obra Resgatar o Brasil, coordenada pelos professores Jessé Souza e Rafael Valim, a coletânea confronta, neste momento dramático da história nacional,...

3º Festival de Quadrinhos de Limeira

Para quem esteve presente no ano passado na cidade de Limeira e pôde comparecer no FLIQ 2017 acompanhou dois dias de muita atividade relacionada à...

Relembrando Animes – US Manga

Hoje o Relembrando animes vai ser um pouquinho diferente... Ao invés de falar sobre animes os tokusatsus, vou falar sobre um programa de TV....

Mais Notícias