Crítica – Sense8 (1ª Temporada)

 

Salve pessoas, aqui vai mais uma review de uma serie que chamou muito a minha atenção e recomendo a vocês para darem uma conferida.
Sense8 é uma serie produzida pela Netflix, criada e escrita por J. Michael Straczynski (Babylon 5, Homem Aranha (HQ), Superman – Terra Um) e os Wachowskis (Matrix trilogia, Speed Racer, V de Vingança). Com direção dos irmão Wachowskis. A primeira temporada foi lançada em Junho de 2015 com 12 episódios.

 

A historia começa seguindo a vida de 8 desconhecidos, que não se conhecem e nunca se viram na vida, mas por alguma razão são ligados entre si. Cada um dos oito personagens estão em diferentes lugares do globo em diferentes momentos e acabam tendo a visão de uma mulher chamada Angélica se suicidando, a partir dai eles passam a ter uma ligação tanto física quanto mental, podendo conversar um com o outro, sentir o que o outro sente, etc… Quase que “um poder psíquico“.

 

O interessante da série são seus personagens, pela sua diversidade tanto de cultura, personalidade, problemas… Eles são muito diferentes entre si, caso você não goste de um terá mais sete a sua escolha quase um menu de personagens. A serie em si trabalha bem eles, cada um com seus problemas, manias e trejeitos, tornando a interação entre eles ainda mais interessante, além de criar situações de comédia. Cada episodio irá focar mais em um personagem especifico, ou seja, você não precisará ficar naquele marasmo do mesmo, além de aprofundar cada um e desenvolvendo cada personagem ao longo da serie.

 

 

A obra em si é muito boa e eu gostei muito, se tivesse que colocar alguma coisa que me incomodou na serie seria a resolução do conflitos de cada um, por exemplo um dos personagens é um hacker, algo que vem bem a calhar, ou também um coreana que sabe lutar como Bruce Lee vir na hora certa para ajudar. Isso não chega a estragar a serie, de maneira nenhuma, só um detalhe que eu poderia colocar como ponto negativo, mas para mim seria o único.

 

É uma serie bem diferente das demais e que recomendo muito pra quem ta cansado das mesmas series de sempre. Fica ai minha recomendação de mais uma ótima obra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here