Crítica | American Horror Story – 2ª Temporada

Bom dia aos amigos do Mundo Hype.

Como disse nos comentários finais da primeira temporada de “American Horror Story” (ou AHS como é mais conhecida), continuo assistindo as temporadas restantes e como tivemos bons resultados do review, vamos falar da segunda temporada intitulada Asylum (aqui traduzida literalmente como Asilo)…..vamos lá?

De início vamos à parte técnica:

Sinopse: A história segue os pacientes, médicos e freiras que ocupam a Instituição Mental de Briarcliff, em Massachusetts,Estados Unidos, no ano de 1964.A instituição é comandada pela Irmã Jude Martin, com sua capacho fiel, Irmã Mary Eunice McKee. Briarcliff foi fundada pelo monsenhor Timothy Howard para tratar de criminosos insanos.O psiquiatra Dr. Oliver Thredson e o cientista Dr. Arthur Arden tratam os pacientes dentro das instalações. Os pacientes, muitos dos quais afirmam ser internados injustamente, incluem a jornalista lésbica Lana Winters, o acusado de ser um serial killer, Kit Walker, e a suposta assassina, Grace Bertrand.

Elenco: Jessica Lange (Irmã Jude), Sarah Paulson (Lana Winters), Lily Rabe (Irmã Mary Eunice), James Cromwell (Dr. Arthur Arden ), Zachary Quinto (Dr. Oliver Thredson), Evan Peters (Kit Walker), Joseph Fiennes (Monsenhor Timothy Howard), Dylan McDermott (Johnny Morgan)…entre outros. 

A segunda temporada tem como tema a sanidade. A história acontece em 1964 e é centralizada na Instituição Mental Briarcliff, fundada para tratar e abrigar os criminosos insanos.

A Irmã Jude comanda com mão de ferro o local e punindo severamente (inclusive com castigos regados a chicotadas em seu escritório), todos que a enfrentam (e neste quesito podemos colocar a jornalista Lana Winters, que é constantemente perseguida por ser homossexual).

A Irmã Mary Eunice é o contra ponto da irmã Jude, pois é doce e pura e trata todos os pacientes com carinho (mas depois de uma sessão de exorcismo que não acaba bem, acaba possuída pelo diabo e muda drasticamente).

Temos os médicos encarregados de tratar os pacientes no manicômio (o psiquiatra Dr. Oliver Thredson e o sádico cientista Dr. Arthur Arden), que além de misteriosos mostram-se ter um passado obscuro e questionável. E ainda temos o “incansável” Evan Peters (que participou de quase todas as temporadas ao lado de Sarah Paulson) como o acusado de ser o assassino em série “Cara Sangrenta” (mistério este revelado no decorrer da temporada). Sem contar os elementos espirituais e científicos que manipulam os habitantes do Briarcliff, incluindo possessão demoníaca e extraterrestres.

Voltando a abertura do texto, a série mantem o ritmo assustador e intrigante (fora o “gancho” de aspectos extraterrestres que norteiam a temporada, mas que destoam do fio condutor do tema principal).

Eu já estou na terceira temporada e garanto um review futuramente.

PS: alguém pode me explicar o que aconteceu com os filhos de Kit Walker (Evan Peters)?

Eu fico por aqui….eu sou o Paulo Cruz e te convido a continuar nos seguindo…a galera do mundo Hype está mandando bem nas postagens…..fui !!!!

Sobre o autor

Leia mais Críticas

Crítica | American Horror Story – 3ª Temporada

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Como disse nos comentários finais da segunda temporada de "American Horror Story" (ou AHS como é mais conhecida),...

Crítica | Good Trouble (1ª Temporada)

Em toda sociedade existe ritos de passagem, explicita ou implícita, são maneiras que se apresentam intrínsecas na própria natureza humana. E há séries televisivas...

Crítica | Warrior Nun – 1ª Temporada

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Terminei a primeira temporada de "Warrior Nun" (aqui traduzida como "Freira Guerreira"), e mantive um ritmo até muito...

Crítica I A Lenda de Beowulf

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Hoje logo de manhã (para falar a verdade na madrugada...rrsss) tive o prazer de ler o review do...

Crítica | Popeye (1980)

Depois do sucesso de Grease — Nos Tempos da Brilhantina (Randal Kleiser, 1978) alguns dos estúdios de Hollywood ficaram determinados a explorar a veia...

Crítica | American Horror Story – 3ª Temporada

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Como disse nos comentários finais da segunda temporada de "American Horror Story" (ou AHS como é mais conhecida),...

Crítica | Good Trouble (1ª Temporada)

Em toda sociedade existe ritos de passagem, explicita ou implícita, são maneiras que se apresentam intrínsecas na própria natureza humana. E há séries televisivas...

Crítica | Warrior Nun – 1ª Temporada

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Terminei a primeira temporada de "Warrior Nun" (aqui traduzida como "Freira Guerreira"), e mantive um ritmo até muito...

Crítica I A Lenda de Beowulf

Boa noite aos amigos do Mundo Hype. Hoje logo de manhã (para falar a verdade na madrugada...rrsss) tive o prazer de ler o review do...