Representatividade é sempre motivo de pauta nas grandes produções, principalmente, no universo dos super heróis. Destacar a força da mulher é dos principais desafios que precisam ser vencidos, na animação muito famosa e querida por muitos, Liga da Justiça, trouxe além da amazona mais conhecida deste universo, Mulher-Maravilha, também conhecemos histórias de outras grandes heroínas (e vilãs), como Mulher-Gavião, Caçadora, Canário Negro e etc.

Uma aposta para quebrar tabus como, por exemplo a história que heróis é somente para meninos, a DC em conjunto com uma subsidiária da Warner, a Time Warner mais a Mattel, lançou no terceiro trimestre do ano passado, DC Super Hero Girls. Anteriormente, bonecas voltadas para garotas.

 

A série animada conta com duas temporadas, mostrando o dia-a-dia das jovens heroínas e de como fazer isso certo de diversas maneiras. O foco é para o público infanto-juvenil feminino conhecer o universo DC, mas, nao impede de garotos assistirem.

O interessante é que se passa num universo acadêmico, precisamente numa super-escola chamada Super Hero High na qual, usam e muito o valor da amizade para combater as dificuldades e encher os jovens corações de confiança e determinação. Além da série, há um longa chamado DC Super Hero Girls: Hero of the Year.

A história é bem simples, há uma cerimônia anual que acontece na escola, entretanto aparece um vilão para atrapalhar a alegria da garotada e assim, as heroínas se juntam para tentar vencer mais um problema!

Curtiu? Os episódios estão disponíveis no site da série, só clicar aqui para assistir.

Assistam o trailer (sem legenda):

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here