Rebobinando – O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001)

O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001)

Yoooooooooo aventureiros espalhados pelo multiverso!

E chegou o momento de falarmos sobre a Terra-Média no Rebobinando sobre o primeiro filme da saga super premiada. O primeiro filme chamado de A Sociedade do Anel, The Fellowship of the Ring, onde nos é apresentado o chamado para a aventura épica para livrar o mundo do mal sem igual de Sauron, vindo de Mordor. Vamos conhecer mais:

O prólogo, narrado por Galadriel, mostra o Senhor da Escuridão, Sauron forjando o “Um Anel”, na Montanha da Perdição, com o objetivo de conquistar as terras da Terra-média. A Última Aliança entre Elfos e Homens é formada para conter as forças de Sauron, aos pés da Montanha da Perdição, mas Sauron mata Elendil, Rei dos Homens da Terra-média. O filho de Elendil, príncipe Isildur, apodera-se da espada partida do pai, Narsil, e consegue decepar a mão de Sauron, separando-o assim do “Um Anel”, e vencer desta maneira os exércitos do Inimigo. No entanto, por ter Sauron sua “força vital” conectada ao anel, não pode ser completamente vencido a menos que o anel seja também destruído. Mas só existe um local onde o “Um Anel” pode ser destruído: nas forjas da Montanha da Perdição, onde foi forjado. Isildur leva o anel até lá mas sucumbe à tentação de poder que o anel dá e recusa-se a destrui-lo. Mas tarde é morto por orcs e o “Um Anel” perde-se nas águas do Anduin. O anel é achado pela criatura Gollum, milhares de anos depois, que o leva para as profundezas da terra, onde permanece por cinco séculos, corrompendo a alma da criatura que o capturou e dando-lhe uma longevidade além do natural.

Como o Anel está ligado a Sauron, possui vontade própria e “deseja” ser achado. Dessa maneira, o Anel conscientemente abandona Gollum, em sua busca para reunir-se a Sauron. Assim, é encontrado por um hobbit, Bilbo Bolseiro, para desespero de Gollum. Bilbo retorna ao Condado, terra dos hobbits, com o Anel e a história pula sessenta anos para a frente. Este episódio da captura do anel por Bilbo é desenvolvido em outro filme também de Peter Jackson, O Hobbit: Uma Jornada Inesperada, lançado em 2012.

Em seu 111º aniversário, Bilbo deixa o Anel para seu sobrinho e herdeiro, Frodo Bolseiro, não sem muito pesar. O mago Gandalf, presente no aniversário, logo descobre ser este anel o “Um Anel” perdido por Isildur, agora considerado apenas uma lenda e desejado por Sauron. Para não correr riscos, Gandalf pede que Frodo abandone o Condado com o Anel e o manda para a cidade de Bri com seu melhor amigo Samwise “Sam” Gamgi, com planos de encontrá-lo lá, depois de passar por Isengard e pedir conselhos ao mestre de sua ordem, Saruman. Saruman revela a Gandalf que os Nazgûl, ou Espectros do Anel, deixaram Mordor com instruções de capturar o “Um” e matar quem o carregue; tendo abraçado a causa de Sauron, Saruman aprisiona Gandalf no topo da torre Orthanc, em Isengard. De sua prisão, Gandalf é forçado a acompanhar as ordens dadas por Saruman aos seus servos, os orcs, serem cumpridas: a construção de armas para a guerra e a criação de um exército de elite dos orcs, chamado Uruk-hai.

Enquanto viajam para Bri, Frodo e Sam encontram seus amigos hobbits, Meriadoc “Merry” Brandebuque e Peregrin “Pippin” Tûk. Depois de encontrarem um Espectro do Anel pelo caminho, os amigos conseguem escapar de sua perseguição e alcançar Bri, onde são salvos por um homem chamado Passolargo, que concorda em guiá-los até Valfenda, cidade habitada por elfos, já que Gandalf não chega para o encontro marcado. No curso da viagem, resolvem passar a noite no Topo do Vento, onde são atacados pelos Nazgûl. Passolargo consegue vencê-los mas Frodo é gravemente ferido por uma lâmina Morgul. Isso faz com que o grupo siga rápidamente para Valfenda na busca por socorro para Frodo. Com os Nazgûl em seu rastro, encontram a elfa Arwen que coloca Frodo em seu cavalo, Asfaloth, e galopa até Valfenda onde o hobbit é curado pelo pai de Arwen, Elrond.

O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001)

Ao acordar em Valfenda, Frodo encontra Gandalf, que lhe explica porque faltou ao encontro em Bri (Gandalf fugiu da torre Orthanc com a ajuda da Águia Gwaihir). Frodo encontra também Bilbo hospedado junto aos elfos, em meio à tarefa de escrever suas memórias. Nesse meio tempo, representantes dos diversos povos que habitam a Terra-média começam a se reunir em Valfenda. Elrond convoca então um Conselho para decidir o que deve ser feito com o Anel. Sabe-se que o “Um Anel” só pode ser destruído nas fornalhas da Montanha da Perdição, onde foi fundido. A Montanha da Perdição fica em Mordor, próxima à fortaleza de Sauron, Barad-dûr, o que torna a jornada incrivelmente perigosa. Frodo se propõe a levar o Anel até a Montanha da Perdição, quando vê a disputa que tal tarefa causa na assembleia. Fica decidido então que o hobbit será o encarregado da missão, mas que será assessorado na tarefa por um grupo formado por representantes dos povos que habitam a Terra-média: o mago Gandalf, os amigos hobbits de Frodo, Sam, Merry e Pippin, o humano Passolargo (que revela ser Aragorn, o herdeiro de direito do trono de Gondor), o elfo Legolas, o anão Gimli e Boromir, filho do regente de Gondor. Juntos formam a Sociedade do Anel.

E assim, eles passam por montanhas, subterrâneos perigosos, Balrog furioso e muitos outros desafios. Mas, o maior desafio é ter que lidar com a parcial perda de Gandalf e com os desejos sombrios que corrompem todos os homens quando estão perto do Anel do Poder. E essa intriga dos integrantes dentro de si mesmos é um ponto alto muito bem explorado por Peter Jackson se baseando na obra de JRR Tolkien. Certos personagens “passam no teste” mas já outros, ficam pelo caminho.

O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001)

As obras de Tolkien são muito bem desenvolvidas e profundas, desenvolvendo toda esta intriga de carater, mas não se tinha certeza se nas telonas estas mesmas caratcteristicas seriam transportadas. E Peter Jackson o fez, com seu excelente trabalho de direção. A Terra-Media estava ganhando vida em Hollywood, ganhando quatro Oscars e cinco BAFTAs, incluindo melhor filme e melhor diretor na premiação BAFTA. A Edição Especial Estendida foi lançada em 2 de novembro de 2002, em DVD, e em 28 de junho de 2011, em Blu-ray. Em 2007, A Sociedade do Anel foi eleita o 50º melhor filme americano na lista do American Film Institute de 100 melhores filme estadunidenses.

Quais são suas lembranças sobre A Sociedade do Anel?

ANÚNCIO

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

+ Lidas da Semana

Animais Fantásticos e Onde Habitam 2 | Assista ao primeiro trailer

Cadê os Potterhead dessa casa? Estão preparados de verdade? Saiu, finalmente, o tão esperado trailer da continuação de Animais Fantásticos e Onde Habitam.Jude Law faz...

12 Livros para Celebrar o Dia Nacional da Consciência Negra

Dia 20 de Novembro é o dia da morte de Zumbi dos Palmares, e desde 1971, com a fundação do Grupo Palmares, passou a...

11 séries de época para se apaixonar

Todo mundo tem uma preferência de narrativa quando procura uma série para ver. Existem séries para os amantes de ficção científica, séries de fantasia, policial,...

Aquaman | Filme ganha trailer final

A Warner Bros. divulgou ontem, 19, o último trailer de Aquaman. O filme chega oficialmente aos cinemas no dia 13 de dezembro, mas quem...

Você não está conectado à internet