Especulações para a 7ª temporada de Game of Thrones (Parte 1 de 2)

Novas fotos de set saem cumulativamente enquanto Game of Thrones está gravando as suas cenas neste final de ano, aproveitando o inverno natural de suas locações, e nessa mesma velocidade saem os boatos sobre o que podemos esperar nesta nova temporada.

Aproveitando esta fase, vamos especular também sobre o que poderemos ter nessa nova temporada. E como os últimos dois livros de George RR Martin, vamos dividir em duas partes que são paralelas entre si.7ª temporada de Game of Thrones

O que todo mundo está falando é sobre a aliança Targaryen e Stark. Com novas fotos mostrando que Jon Snow e Daenerys Targaryen estão se dando bem. E os personagens “de apoio” idem, como Davos e Gendry (!) em conjunto com Tyrion, para citar um exemplo. Mas este assunto dá muito mais assunto do que apenas esses dois.

Mas primeiro, o que devemos ver é Jon Snow tentando liderar como o Rei no Norte. Mas terá muita ajuda bem-vinda, já que uma reunião da família Stark está chegando. Eles já foram fotografados juntos em algumas partes das locações. Jon Snow, Sansa, Bran e Arya devem se reunir em Winterfell finalmente, dando alegria para os fãs que sempre torceram para a família Stark. Mas que consequências isso pode trazer?

Bran foi tocado pelo Rei da Noite em uma visão, e aquilo resultou nas mortes do Corvo de Três Olhos e Hodor, fora a desnecessária morte de Verão, seu lobo gigante. Ele terminou a última temporada perto da Muralha, na árvore que é o represeiro branco, tradicional lugar de orações dos velhos deuses. Ao passar pela Muralha, protegida com feitiços contra os seres do Rei da Noite, irá todo o efeito desta grande barreira se desfazer? Fora que é o único que pode revelar a todos sobre os pais de Jon Snow.

Arya terminou a última temporada assassinando o Lorde Walder Frey nas Gêmeas. Se ela estará em Winterfell, qual será o seu propósito após se reunir com sua família? As possibilidades são inúmeras, como ir a Correrrio e retomar o castelo com um exército do Norte o reduto de sua família materna, ou até mesmo, ir até a Muralha e dar apoio aos abandonados Patrulheiros, e mesmo assim, pode querer ir para Pedra do Dragão ao Sul com Jon Snow para conhecer a conquistadora Daenerys Targaryen.

Sabemos que Sansa Stark irá ficar em Winterfell governando o Norte na ausência de Jon Snow que irá ao Sul para bater um papo com a Dany, mas qual será a direção de seu governo? Ela não dará ouvidos para as provocações do Mindinho e continuará leal ao seu meio-irmão bastardo ou seria ela capaz de trai-lo e pegar todo o poder para ela? Ainda mais, ela poderia pegar de todas as dicas que aprendeu com Mindinho e com os traumas que sofreu com Ramsay Bolton e unificar ainda mais o Norte com sabedoria, fazendo todo o território voltar a amar os lobos de Winterfell.

Do lado de Daenerys, ainda temos que observar como essa união irá se desenrolar. Pelo lado de Tyrion Lannister, Mão da Rainha, não deveremos ver algum problema já que ele sempre foi favorável aos Starks, não tratando mal Sansa Stark e dando bons conselhos a Jon Snow quando ele estava indo para a Muralha. E sua inteligência irá abrir os olhos de todos no Norte para as intenções obscuras de Lorde Petyr Baelish.

Lorde Petyr Baelish game of thrones season 7

Agora os Greyjoy será outra coisa. Sabemos que haverá muitos problemas na relação entre o quebrado Theon Greyjoy com os Starks, principalmente Jon Snow que já o encontrou em algumas cenas devemos ver todos os nortenhos gostando nada de ver os Greyjoy por ali. O que poderá desenrolar por ai vai ser interessante de ser visto, visto que algumas casas no Norte podem não controlar o rancor e o ódio com as Lulas Gigantes e acabar os atacando se o pegarem desprevenidos.

Porém, as alianças de Dorne e Jardim de Cima devem ser controladas por Dany através de Varys, e o ataque da conquistadora Targaryen poderá vir de duas frentes se fechando em Porto Real. Porém, antes de tudo, ela tem que se unir com o Norte e com as Terras Fluviais, o que me leva a crer que Dany irá ajudar os Starks a retomar Correrrio e a estabelecer talvez, Gendry como um Baratheon e o deixar liderando em conjunto com alguém mais experiente as terras da tempestade e assim conquistar o povo do Mar Estreito. Seria uma decisão inteligente a se tomar pela futura Rainha de Westeros.

Nem tudo será bonito entretanto, para a Mãe de Dragões, visto que terá que domar muito bem a índole dos Dothrakis que vieram para Westeros com ela. Talvez será o exército com o qual ela poderá dominar as Terras Fluviais como Correrrio, as Gêmeas e fortificar o Fosso Cailin inclusive, a passagem do Sul para o Norte e vice-versa. Mas os hábitos de saque e estupro que os dothrakis possuem podem virar um problema enquanto ela estiver ausente resolvendo outros assuntos.

O mesmo se aplica para os seus três dragões que irão espalhar fogo e terror pelos reinos de Westeros e trará uma ansiedade tremenda para todos os fãs ao passo que ela escolherá as outras duas cabeças dos dragões. E um mistério eu aposto que será esclarecido nessa temporada: Tyrion é um Lannister de fato ou é um bastardo Targaryen? Fora que a legitimidade do parentesco de Jon Snow poderá ser legitimado para todo o reino ao passo que Bran contar a todos e inclusive para Dany sobre o que viu em sua visão flashback. E será que Dany firmará alguma aliança através de casamento?

Confira a segunda parte deste post, onde falamos sobre Cersei e seus prováveis aliados.

E você, o que aposta que acontecerá nessa aliança Stark-Targaryen?

Dependemos do apoio de leitores como você para ajudar a manter nossa redação sem fins lucrativos forte e independente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você não está conectado à internet